ADVERTORIAL

"Calvície é horrível, eu sei como é.. A única solução, que pouca pessoas conhecem, é bloquear a ação do DHT, hormônio que faz o cabelo cair. Agora com essa nova fórmula que Stanford descobriu dá pra crescer até 8x mais cabelo, é uma pílula feita de um fruto encontrado no sul da Índia que a Anvisa liberou..." Dr. Wilson Hasson, tricologista

(1403 votos)

Quem sofre com a queda de cabelos sabe como é a tortura psicológica de ver os fios caindo e as entradas de careca aparecendo. A cada fio que cai mais o medo de ficar completamente careca aumenta. É ai que bate saudade do "cabelão" que tinha na adolescência.

O comerciante Milton Dias, de 54 anos, encontrou o "Segredo capilar da Índia" e conseguiu recuperar 60 mil fios de cabelo em 4 meses. Segundo ele os resultados foram melhores do que quando usou Minoxidil e Finasterida. Com essa fórmula indiana ele ganhou cerca de 3.750 fios por semana.

Essa fórmula ficou conhecida no mundo inteiro por reverter a calvície, e ganhou o apelido de "exterminador da calvície. Os resultados apresentados nos pacientes americanos deixou impressionado cientistas e médicos de universidades como Stanford, Berkeley e no Brasil, USP.

A aprovação da Anvisa veio após relatórios apontarem que cresceu para 44 milhões o número de brasileiros que sofrem com calvície. A solução foi importar essa fórmula desenvolvida nos laboratórios de Stanford, nos Estados Unidos.

"Era frustante olhar no espelho e sentir que meu destino seria ficar careca, eu queria meu cabelo cheio e forte, ver os fios caindo e as entradas aparecendo era uma dor para mim" - Milton Dias.

A calvície, é causado por um hormônio chamado DHT, conhecido entre dermatologistas como "O Hormônio da queda de cabelos". Uma descoberta realizada por cientistas da Universidade de Stanford, pode finalmente colocar um fim na calvície.

O alvo da pesquisa foi uma fruta do sul da Índia, conhecida como Shikakai, capaz de desativar enzimas de queda capilar e "congelar" a ação do hormônio DHT, aumentando o crescimento de folículos capilares e devolvendo o "cabelão da adolescência" de volta.

Cientistas descobriram que homens naturalmente produzem mais DHT, e que esse hormônio é ótimo para o crescimento de pelos faciais, mas fatal para o cabelo. Além disso esse hormônio é transmitido geneticamente, através do gene materno.

As pesquisas em torno desse fruto encontrado no sul da Índia buscavam encontrar uma complexo capaz de bloquear a ação do DHT e ao mesmo tempo ativar matrizes foliculares capazes de acelerar o crescimento de novos fios de cabelo.

O médico tricologista brasileiro Dr. Wilson Hasson (a esquerda), participou da aprovação da Anvisa no Brasil, e deu seu veredito para a nova fórmula indiana anti-calvície.

"Além dos estudos, agora temos provas de que essa fórmula natural funciona excepcionalmente bem. Temos dados de exames de sangue que mostram níveis reduzidos de DHT (Dihidrotesterona), isso permite preencher 84% das antigas entradas de calvície."

Essa fórmula possui uma combinação rara de vitaminas, por isso foi necessário uma pesquisa de campo para que fosse encontrado o fruto ou erva correto para aplicar em teste de laboratório.

O composto foi batizado de Shikakai, em homenagem a exata fruta que fornece vitaminas e nutrientes a essa fórmula. Essa fruta do sul da Índia produz um extrato em pó, usado na criação de shampoos e cremes capilares.

Cientistas de Stanford, no entanto, revelaram que a ingestão em pílula, aumenta a concentração em 310%. Ativando no organismo um efeito muito mais relevante no bloqueio de DHT, e na aceleração de crescimento capilar.

A fórmula natural indiana chegou ao Brasil no final de 2019, e foi distribuída para laboratórios oficiais como fim de teste. Um dos brasileiros que conseguiu uma das primeiras doses em cápsulas, foi Milton Dias.

Milton conta que já havia tentado de tudo para fazer seu cabelo voltar a crescer, e que já estava com a auto-estima no fundo do poço em achar que ficaria careca pelo resto de sua vida.

Após tentar de tudo para acabar com a queda de cabelos, ele finalmente ativou a liberação de folículos capilares e viu seu couro cabeludo encher com novos fios, graças a esse "remédio natural".

Ele não ficou gastando mensalmente com sessões de implantes "fio por fio", que doem e prejudicam a saúde do couro cabeludo.

Nada disso.

Na verdade, ele seguiu apenas dois passos simples e baratos, que qualquer pessoa comum pode fazer:

  1. Aumentou a ingestão de água (antes ele tomava 500ml por dia, agora toma 1,5L)
  2. Começou a tomar 2 vezes ao dia de uma mistura de uma fruta rara encontrada no sul da Índia, recém aprovadas pela Anvisa, que segundo estudos científicos, possuem a propriedade de ativar folículos capilares e aumentar crescimento do cabelo e custam menos de R$ 30,00 por mês.

Entramos em contato com o gerente comercial, Milton Dias, que fez uso de Shikakai. Confira a entrevista abaixo:

Redação: Milton, você ficou muito conhecido por ser um dos primeiros brasileiros a fazer uso da fórmula de crescimento capilar Shikakai, pode nos contar como aconteceu?

Milton Dias: "Sim, claro! Eu tenho um pequeno comércio de peças de carro, alguns clientes me apelidaram de "Careca", eu não ligava, mas no fundo não queria aquelas entradas de calvície. Até minha própria esposa falou que eu estava ficando muito careca, e que precisava fazer algo a respeito. Fui até um laboratório perto da minha casa, fazer alguns exames para ver se estava com alguma falta de vitamina, e lá descobri que eles tinham acabado de receber amostras de uma fórmula descoberta nos Estados Unidos, que usava uma composição da Índia para crescer o cabelo."

Redação: Mas Milton, você já tinha tentado algum método para se crescer seu cabelo antes?

Milton Dias: "Eu tinha tentado shampoos, gastei uma fortuna com eles, com aqueles que falam que nasce cabelo, sabe? O problema é que os efeitos colaterais estavam acabando ainda mais com os poucos fios que eu tinha na cabeça. A situação estava feia viu...

Redação: Como você conheceu esse novo tratamento?

Milton Dias: "Graças ao laboratório perto da minha casa, eles tinham acabado de receber o Shikakai, em algumas amostras. Eu queria uma solução definitiva para meu cabelo. Vi que o melhor jeito de acabar com a a queda de cabelo, ao mesmo tempo que secava a oleosidade do couro cabeludo. Foi muito difícil achar o Shikakai no Brasil, você não tem nem ideia...

Redação: Como assim difícil? Você poderia explicar mais?

Milton Dias: "Claro! No Brasil, as farmácias não nos vendem produtos com as vitaminas que Shikakai tem, porque os ingredientes são muito raros e difíceis de encontrar, o que você encontra em farmácias são remédios que na maioria das vezes não funciona nada.

AVISOS LEGAIS

É expressamente proibida a cópia ou reprodução de todas as imagens e textos desse site, ficando os infratores sujeitos as penalidades cabíveis.

Venda proibida para menores de 18 anos. Os resultados podem variar de pessoa para pessoa. As informações contidas neste site ou nos e-mails enviados foram elaboradas apenas para propósitos educacionais. Não existe intenção de substituir conselhos ou tratamentos médicos. Estas informações não devem ser utilizadas para diagnosticar ou tratar qualquer problema de saúde ou doença sem uma consulta médica.

Início | Garantia | Termos de Uso | Politica de Privacidade | Estudos Científicos  | Contato

Shikakai © Todos os Direitos Reservados